Produtores rurais doam grãos para o Hospital do Amor e obra pode ficar pronta em um ano

Foi lançado oficialmente no início da tarde deste domingo (04), no Sindicato Rural de Dourados, a campanha “Agro Pelo Amor”, uma iniciativa em prol da implantação do Hospital de Amor na segunda maior cidade do Estado. Oficialmente as obras devem ficar prontas em até 3 anos, mas a expectativa é que em um ano tudo esteja concluído.

A campanha é liderada pela Associação de Apoiadores do Hospital de Amor de Dourados-MS, e pelos Coordenadores Municipais do HA/MS e suas equipes, tem como objetivo mobilizar o setor do agronegócio em apoio à causa.

Durante o lançamento na tarde deste domingo, vários produtores rurais de Dourados e região fizeram a doação de sacas de soja. Toda a arrecadação será utilizada na estruturação do hospital, já que as obras do prédio estão sob responsabilidade da Sicredi Centro-Sul MS/BA. A pedra fundamental do empreendimento localizado na avenida Guaicurus foi lançada em outubro e o investimento será de R$ 24 milhões.

Maquete do Hospital do Amor em Dourados

 

O presidente do Hospital do Amor, Henrique Prata, esteve no evento e destacou que o empreendimento dará um salto na descentralização de atendimentos. “Cerca de 80% dos pacientes de Mato Grosso do Sul vão para Barretos (SP) e queremos que o tratamento seja feito aqui”, explicou.

A unidade em Dourados vai contar com moderno centro de diagnósticos, quimioterapia e posteriormente será instalado a radioterapia. “Vai crescer na medida do envolvimento da sociedade”, disse Henrique Prata, destacando que os trabalhos até agora não tiveram envolvimento de Governo.

A unidade hospitalar será a primeira do Brasil em nível sistêmico, que terá uma área
construída de 3.700 metros quadrados em um terreno de 25 mil metros quadrados, doado pela família Guerra. A construção e a gestão da obra ficarão sob coordenação da Sicredi Centro-Sul MS/BA.

O hospital terá atendimento 100% SUS tanto para prevenção e diagnóstico quanto
para tratamento e reabilitação de mulheres com câncer de mama, colo de útero e,
futuramente, de pele.

Durante o lançamento da campanha, o presidente do Sindicato Rural, Angelo Ximenes, conclamou os produtores rurais de Dourados e região a abraçarem a luta. Ele disse que, embora este ano seja atípico para as lavouras, devido as condições climáticas, é na união que a força cresce e o que em breve o hospital estará á disposição para toda a região.

Parte da equipe que está engajada na luta pelo Hospital do Amor em Dourados

 

Facebook Comentários

Vamos Anunciar?